1. Meu irmão deu uma gozada dentro da minha bunda.


    Encontro: 19/03/2018, Categorias: Incesto. Irmão X irmão. Gozada dentro da bunda. Gozada na boca., Gays / Homossexual, Autor: Jero, Fonte: CasadosContos

    Oi gente, meu nome é Jeremias, aplelidado de Boboy. Completo 20 anos agora em 30 de novembro. Moro sozinho há 3 anos, sou moreno claro, altura 1,75, magro como toda bicha gosta de estar, todo delipado sempre com cera quente, olhos cor de mel e cabelo castanho, gosto de deixar topete com mais ou menos 1 palmo e sempre dado escova. Minha família mora na roça. Como eu não ia trabalhar na roça, corri pra cidade pra estudar e trabalhar porque bicha que se preza é independente, estudiosa e sabida. Meus pais são separados desde meus 6 anos de idade. Meu pai casou-se com outra, tem 4 filhos lindos com ela, e minha mãe mora com um pedaço de negro que deixa o cu de qualquer bicha fazendo bico. Com esse marido ela teve 2 filhos que saíram mulatos, um deles toma conta da casa de um fazendeiro da redondeza e fica sempre la, o outro fica em casa. A casa da minha mãe é feita de barro. Estamos construindo uma melhor do lado, mas enquanto não conclue, têm que ficar na casa velha mesmo. Às vezes vou pra lá nos fins de semana e num desses, minha mãe foi para o velório de uma amiga dela à noite, aqui é tradição velar o defunto até a ida para o cemitério; meu padrasto não sei pra onde se sumiu e ficamos meu irmão e eu. Naquele sábado, dia 4 desse, fui pra roça. Na boca da noite fui para o mato com o vizinho de minha mãe, um homem que come meu cuzinho há alguns anos. Ele tem pênis de um jumento. Desci a bermuda e a cueca só deixando a bunda de fora, segurei numa árvore e fui um pouco pra trás, ...
    abri bem as pernas e me empinei pra receber tudinho. Como sempre, ele me comeu, gozou e foi embora. Ai a vontade de gozar foi embora junto com ele. Mas o interesse aqui é falar de meu querido irmão. Até aí tudo bem. Meu irmão com mora com eles se chama Cláudio, é mulato, mais ou menos 1,72, fortezinho, uma pele limpa e gostosa, as suas coxas são uma delícia, e o bumbum... huuuuummm. Adoro bundas e acho lindas, mas não para eu comê-las. Já que lá não tem internet, uso wifi e eu estava lisa sem créditos pra ficar no whatsapp, umas 11 da noite desliguei a TV e fui dormir. Lá em casa divido quarto com meu irmão. Tem uma beliche e uma cama de solteiro do lado, feito com blocos. Deitado para o canto da parede, estou ouvindo um movimento na cama do meu irmão. A luz da sala deixa o quarto bem claro já que não tem portas, somente curtinas. Olhei pra ele, que estava coberto até o pescoço, e na área do pênis, estou vendo subindo e descendo. Ele me olhou e deu risada. - Está fazendo o que, doido? - perguntei. Ele abaixou o lençol e mostrou o pênis duro somente pra fora da bermuda jeans. Ele estava batendo punheta. O pênis dele é uma delícia, bem escurinho, mais ou menos uns 19cm, grosso e a cabeça roxa toda descoberta. - Você não tem vergonha não, descarado? - perguntei. - Ah, vai dizer que tu não sabe o que é isso?! - respondeu Cau. - Isso o que? Punheta ou rola? - Rola. Porque tua punheta não é igual a minha. - Como não é igual a tua, doido? - Tua punheta é diferente, é com o cu. - e ele ...
«123»